top of page

5S para Pessoas Estratégicas: Como Transformar o 5S em uma Ferramenta para uma Gestão de Excelência


Mão segurando uma bandeja com 5 estrelas

A busca pela excelência na gestão é uma constante em organizações que almejam se destacar em um ambiente competitivo. Nesse cenário, o 5S se apresenta como uma ferramenta valiosa, oferecendo uma abordagem estratégica para a melhoria contínua. Este artigo explora os principais motivos para implantar o 5S e sua relevância na competitividade, além de abordar fatores de sucesso e de fracasso na sua implementação.

Principais motivos para implantar o 5S: a busca pela excelência


A implantação do 5S, conhecido por sua abordagem sistemática para organizar e otimizar espaços de trabalho, é impulsionada por diversos motivos, sendo a busca pela excelência um dos principais catalisadores desse processo.

  1. Segurança comportamental: O 5S promove a segurança comportamental, estabelecendo padrões de organização que minimizam riscos e acidentes no ambiente de trabalho. A preocupação com a segurança não apenas preserva a integridade dos colaboradores, mas também contribui para a eficiência operacional.

  2. Base para ferramentas de Qualidade e Produtividade: O 5S atua como a base essencial para a implementação de ferramentas de qualidade e produtividade. Ao criar um ambiente organizado e eficiente, facilita a introdução de práticas e metodologias voltadas para a melhoria contínua e a excelência operacional.

  3. Base para Normas Certificadoras: A implementação do 5S fornece uma base sólida para a conformidade com normas certificadoras, principalmente ISO 9000, ISO 14000, ISO 45000 e ISO 22000, evidenciando o comprometimento da organização com padrões de qualidade, segurança e responsabilidade socioambiental.

  4. Combate ao desperdício: O 5S direciona o foco para a identificação e eliminação de desperdícios, sejam eles relacionados a recursos materiais, tempo ou esforço. Isso não apenas reduz custos, mas também contribui para uma gestão mais sustentável e responsável.

  5. Melhoria das condições de trabalho e imagem da empresa: A implementação do 5S não apenas aprimora as condições de trabalho, criando ambientes mais seguros e agradáveis, mas também contribui para a construção de uma imagem positiva da empresa perante colaboradores, clientes e parceiros.


Fatores que influenciam a competitividade:

Diversos fatores impactam a competitividade de uma organização, e o 5S atua diretamente em alguns deles:

  • Custos (Desperdício): A eliminação de desperdícios promovida pelo 5S reduz custos operacionais, tornando a empresa mais eficiente e competitiva.

  • Produtividade e eficiência: A organização proporcionada pelo 5S contribui para um ambiente mais produtivo e eficiente, refletindo diretamente na competitividade da empresa.

  • Qualidade de produtos e serviços: A padronização e a busca constante pela melhoria contínua promovidas pelo 5S elevam a qualidade dos produtos e serviços oferecidos.

  • Segurança e conservação de ativos: A atenção à segurança no ambiente de trabalho não apenas protege os colaboradores, mas também preserva os ativos da empresa, contribuindo para sua competitividade a longo prazo.

  • Proatividade, autodisciplina e gestão do stress: O 5S, ao promover a autodisciplina e a proatividade, influencia positivamente a cultura organizacional, criando um ambiente de trabalho mais saudável e reduzindo o stress.


Significado do 5S:

O 5S é um sistema composto por cinco princípios japoneses:


  1. SEIRI (Utilização): Uso adequado de recursos, evitando desperdícios.

  2. SEITON (Organização): Organização dos recursos para criar um ambiente seguro e produtivo.

  3. SEISO (Limpeza): Limpeza com inspeção, visando o zelo pelos recursos e instalações.

  4. SEIKETSU (Padronização): Padronização de ambientes e atitudes para manter as práticas dos três primeiros "S".

  5. SHITSUKE (Autodisciplina): Autodisciplina para manter a ordem, limpeza e cumprir normas e procedimentos.


Fatores de sucesso e fracasso na implementação do 5S:

Fatores de fracasso:


  • Falta de entendimento dos conceitos.

  • Estratégia limitada ao Dia D e às auditorias.

  • Pressa na execução.

  • Implementação voltada para outros (alto escalão, clientes e auditores).


Fatores de sucesso:


  • Liderança do número 1 (Top-Down).

  • 5S como processo estratégico, vinculado aos fatores de desempenho.

  • Determinação.

  • Escolha da estratégia correta, com ênfase nas lideranças diárias e não apenas em auditorias.




1 Comment

Rated 0 out of 5 stars.
No ratings yet

Add a rating
Guest
Jan 10
Rated 5 out of 5 stars.

Como a Boeing a Embraer sempre manteve o 5S em todos os ambientes de trabalho. É regra básica da rotina em todos os níveis funcionais.

Like
bottom of page